Resumão

Dados Pessoais:

Adão Braga Borges, natural de Nanuque, cidade do Estado de Minas Gerais. Morei na Vila Esperança até aos 16 anos de idade, quando terminei o curso técnico de Contabilidade no Colégio Santo Antônio, que era administrado pelos missionários católicos.

Depois do diploma de Técnico em Contabilidade, trabalhei na área, nos escritórios de Argileu Contabilidade, depois, fui trabalhar com a família do Jovelino Almeida.

No ano seguinte, fui para a cidade de Posto da Mata trabalhar no escritório de Advocacia de Dr. Adaiso Fernandes, filho mais velho de Jovelino Almeida.

Em 1988, quando já havia me convertido ao evangelho pregado pela Igreja Adventista do Sétimo dia, resolvi cursar Teologia.

Em 1989 passei no vestibular no IAENE. E comecei o curso, porém, no último ano, resolveram me sacanear acusando-me de ter um “desvio moral”.

Dentro do internato fui sufocado com perseguições diversas. Em meu curriculum havia acusações diversas.

Me roubaram um desodorante, e dei queixa na administração. Registraram no curriculum acadêmico que eu era o ladrão.

Certo dia fui usar um toca-fita de um colega e a fita do “Arautos do Reis” foi engolida pelo aparelho. Ainda que eu insistisse em pagar, ele não aceitou o pagamento, porém a direção registrou uma falta de carater de minha parte em querer pagar a fita danificada. Foi necessário o dono da fita testemunha a meu favor. Isto aconteceu, lá no terceiro ano do curso e o fato ocorreu no primeiro ano do curso.

Fui nomeado lider de um grupo de missionário por ocasião da Semana Santa. Como houve conflito entre minhas funções acadêmicas e as funções financeiras do colégio, fui obrigado, a ficar no colégio para pagar, mas, mesmo a distância tinha que cuidar dos serviços.

O diretor da faculdade, criou caso, com a secretária que eu nomei, e com o palestrante. Ele espalhou no colégio, que eu estava sendo tolo, e que os dois eram amantes, e marcaram o encontro sob minha supervisão. Este ai, eu quase acerto o queixo.

Dois atos que me vanglorio sempre:

1 – Quando entrei no refeitorio enfeitado de mulher e meu colega Cocão, fantasiado de malandro. O objetivo foi protestar contra a discriminação que se fazia com os alunos pobres que estudava no colégio. Nunca me arrependir, mas chorei para caramba diante da direção para eles me perdoarem.

2 – Quando soube que haviam familias de estudantes de teologia que moravam na vila dos teologando passando fome, eu e mais dois colegas, saiamos na madrugada, invadiamos o centro de abastecimento, e “roubavamos” os alimentos e deixava nas varandas das famílias necessitadas. Fizemos isto por uns seis meses.  

Por fim, o que me desiludiu completamente, foi a acusação de que eu era um  tarado, e que atacava as moças do internato. Esta acusação, me seguiu por todos os lugares que eu fosse, em qualquer igreja que eu fosse.

Isto me perseguiu até pouco tempo quando fiz um dossiê, e espalhei entre alguns membros da igreja, e avisei:

– Me deixem quieto! Estou no meu canto, sem visitar vocês, e se não falarem de mim, eu esqueço tudo que sei de vocês, do passado e do presente.

Os colegas mais sacanas, mais irresponsáveis, “mais pecadores”, se tornaram pastores. Mas, um relato antigo da Bíglia diz:

“Os seus chefes dão as sentenças por suborno, e os seus sacerdotes ensinam por interesse, e os seus profetas adivinham por dinheiro; e ainda se encostam ao Senhor, dizendo: Não está o Senhor no meio de nós? Nenhum mal nos sobrevirá.” Miqueias 3:15 

Assim posto, estes pastores na atualidade, estão dentro do previsto, e também já conhecida. Sem novidades!

Casei-me em 1994. Em 1995 nasceu Kaio. Desde então trabalho com informática. Inicei minhas atividades dando aulas. Depois, trabalhei numa empresa montando computadores. E desde 1999 que trabalho com Internet, redes, e segurança da informação.

Em 2000 nasceu Pedro Henrique. Continuo trabalhando com informática. Agora, desde o ano de 2005, voltei a área das aulas. Ministro aulas de informática para concursos.

Klaibson
Tudo bem Adão.

Combinamos um tempo atrás uma troca de links entre nossos blogs.

Mas numa visita, percebi que o meu link não estava lá.

Caso tenha interesse em manter a parceria, entre em contato.

Um abraço.

Oswaldo Henrique
Aló Adão
Você é a tabua de salvação prá muitos como eu – que tomam porrada do micro; derepente aparece você com seu ´salva-vidas´e enche a gente de alegria. Gratidão, por ter resolvido esse Microsof Office Live – que estava – perturbando a todo momento. Grato – Oswaldo Henrique- São Paulo.
maria de fatima godinho santos
Boa tarde , Sr. Adão,preciso de sua planilha de Entradas e Saidas com saldo,pois estou cuidando das contas da nossa pequena Capela, e sua planilha vai nos ajudar muito…mandarei o dinheiro p.Bradesco.
Desde já, muito obrigada.
André
Boa tarde Adão Braga tudo bem?

Gostei muito da sua planilha de entrada e saida.
Estou precisando de uma de fluxo de caixa. mais sou muito ruim em fazer planilha.
Você pode me ajudar?
deixo meu email para contatos, assim podemos chegar no acordo.

Obrigado

Pricila Lunz
E ai Adao?? Quanto tempo hein! Como andam as coisas???? E a saúde de seu filho??? Tem ido a igreja? Rsrs
Fica na paz
Florivaldo Alves
Olá amigo, Adão, Bom Dia.
Tenho um grande estoque de cds, fitas cassetes,, fitas de rolo e mais de 5000 lps de vinil. Gostaria que o amigo fizesse para mim uma planilha (ficha) para que eu possa lançar todos os meus produtos inclusive descriminando todas as músicas de cada cd e lp. è possível.? Me responda. Um abraço do amigo. Eu Moro em Guanambi.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *